+55 (45) 3529-2045 plataformasri@pti.org.br

Hackathon no Pig Data busca modelo eficaz de relacionamento para venda de OTCs

15/10/19
sri_adm

Hackathon no Pig Data busca modelo eficaz de relacionamento para venda de OTCs

Os participantes da maratona de programação (hackathon), do Pig Data – Convenção do Ecossistema de Inovação, apresentaram soluções de melhoria de mapeamento, relacionamento e atendimento de oito produtos conhecidos como OTCs, ou seja, que não precisam de prescrição para serem comercializados, da Prati Donaduzzi. Se classificaram as equipes Angah Tech, Dumax, Dona e LMA.

As propostas foram avaliadas por uma banca e, os quatro classificados participam dia 18 de outubro da apresentação final em evento na Associação Comercial e Empresarial de Toledo (Acit), segundo um dos organizadores do hackathon, Fernando Botelho.  A equipe vencedora ganhará R$2,5 mil. A segunda colocada leva R$1,5 mil e a terceira ganha R$1 mil.

Projetos interessantes foram apresentados e podem ser implantados, conforme conforme o gerente de Marketing da Prati-Donaduzzi, Lucas Angnes.

Projetos

Conforme apresentado pelos participantes, uma das equipes, a Angah Tech, em resumo, projeta um aplicativo em que o usuário expõe o problema, e o sistema sugere produtos e valores correspondentes à demanda. A Dumax também investiu na ideia de aplicativo, este voltado ao sinal de baixa frequência para celular. Se o consumidor tiver o aplicativo e estiver perto receberá mensagem sobre o produto com informações e terá todo o portfólio com possibilidade de encaminhar para atendimento por pessoa física, segundo exposto.

A equipe Dona optou por um sistema de interação direta nos locais de venda por “uma” robô posicionada próximo a gôndola de OTCs. Ela poderá interagir com o consumidor e apresentar um design voltado a estimular a postagem fotos. “A” robô também pode indicar produtos ao consumidor.

A proposta da LMA é promover a obtenção de dados por região para facilitar o acesso do cliente aos itens mais pesquisados, ou seja, desta forma, determinados produtos seriam encaminhados para os pontos de venda onde há maior procura.

 

Fonte: Iguassu-IT