+55 (45) 3529-2045 plataformasri@pti.org.br

Startups “dentro da porteira” recebem US$ 4,7 bi em aportes em 2019

13/05/20
sri_adm

Startups “dentro da porteira” recebem US$ 4,7 bi em aportes em 2019

Os aportes em startups para soluções “dentro da porteira” chegaram a US$ 4,7 bilhões em 2019, com aumento 6,8% em relação a 2018 e 370% a 2013.  O Farm Tech Investment Report, da AgFunders, disse ainda que estas agtechs somaram 695 acordos com 940 investidores únicos.

No entanto, devido as consequências sociais e econômicas da pandemia de Covid-19, deve haver uma queda dos investimentos de venture capital no setor neste ano, prevê Louisa Burwood-Taylor, que chefia a equipe de pesquisa da Agfunder.

“As conseqüências econômicas da pandemia de Covid-19 sem dúvida impactarão o crescimento consistente do investimento em tecnologia agrícola.  No primeiro trimestre, os níveis são de cerca de US $ 550 milhões, muito abaixo dos US$ 1 bilhão do ano passado”, escreveu.

Gestão agrícola

O relatório indica que softwares de gestão, sensores e Iot são as categorias mais ativas em tecnologia agrícola pelo número de negócios fechados em 2019.

Apesar de liderada pelos EUA, a tecnologia baseada em sensores prolifera globalmente. Por exemplo, cerca de 28% dos negócios na categoria ocorreram na Ásia, a maioria deles em fase inicial.

De maneira menos impressionante, a Ag Biotech teve um ano enxuto em 2019. A pesquisa da AgFunder mostra que a atividade de negócios caiu 22% ano a ano, enquanto o investimento em dólar caiu 33%.

Naqueles que ainda continuavam, a edição de genes continuava na vanguarda da empolgação, apesar de um complicado ambiente regulatório para navegar.

Robôs

Onde pode haver uma tendência ascendente são os investimentos em startups de robótica, mecanização e equipamentos, que ainda é baixo.

Com US $ 179 milhões em cerca de 70 acordos, a categoria registrou uma queda de 46% no financiamento e oito contratos a menos em 2019 em comparação a 2018.

Os dados da AgFunder mostram um aumento de 23% no valor total de investimentos nesta tecnologia agrícola no ano passado na Europa, com liderança da França.

 

Fonte: AG Evolution